Flavio Augusto Sampaio Martins Advocacia Lawyer at Advogado no Rio de Janeiro #sampaiomartinsadv

Dra. Teresinha Nolasco Sampaio

Advogada e Psicanalista

OAB/ES 5.851

Teresinha Nolasco Sampaio, Teka ou Tia Tê para os íntimos. Todo mundo tem na família ou conhece uma Teresinha, não é verdade? Sou a primeira advogada da minha família. Todo o conhecimento que angariei foi com muita dedicação e luta. Durante a Faculdade trabalhei na Embratel (Assessoria Jurídica) para pagar meus estudos, e lá tive o primeiro contato com tecnologia. Me formei em Direito grávida e me separei quando meu filho não tinha nem um ano. A necessidade de sustentar um filho, motivação mais que suficiente, me afastou da advocacia e me lançou no mercado de trabalho. Trabalhei em diversas funções e empresas, conhecendo a fundo a dinâmica corporativa. Morei na Zona Sul e na Zona Norte do Rio. Morei em Luanda, capital de Angola, voltei para o Rio e vim parar em Vitória/ES, sempre com meu filhão, meu companheiro, a tira-colo. Enfim arranjei um local tranquilo para criar meu filho e construir meu patrimônio.


Já em VIX, trabalhei em indústria exportadora de embalagens plásticas, empresa de tecnologia, e para a companhia de desenvolvimento municipal de gestão pública. Assim consegui ter uma visão ampla dos mais diferentes mercados. Posteriormente me tornei responsável pelo departamento de recursos humanos de uma fundação com 1.400 empregados, quando me aproximei das rotinas e orientações trabalhistas. De lá passei a ser coordenadora de contrato de alocação de pessoal em hospital público, responsável por RH com 400 empregados. Aos poucos o Direito me chamava.

Nesse ínterim meu filho terminou o 2º grau em Vitória e foi embora para o Rio de Janeiro, onde se formou em Direito, vindo posteriormente a se tornar sócio do escritório do pai. Me tornei, assim, uma consultora para demandas trabalhistas no escritório do Rio, enquanto trabalhava em RH em Vitória.

Nunca parei de estudar. Fiz vários Cursos, assisti inúmeras Palestras, Seminários e Convenções. Sou uma leitora voraz, autodidata. Estudei sobre todas as funções que passei, tecnologia, recursos humanos, direito do trabalho e psicologia. Adoro tudo relacionado ao comportamento humano, tanto que acabei fazendo uma Pós-Gradução em Psicanálise Clínica e uma Especialização em Psicanálise de Criança e Adolescente, chegando mesmo a abrir um consultório e clinicar, após o expediente no hospital.

Contudo, o Direito estava cada vez mais presente em minha vida. Como se tudo fosse um círculo que me levaria necessariamente de volta à Advocacia. Depois de reunir diversas competências corporativas dos mais variados mercados, e estudar a mente humana, mais uma vez me reinventei e comecei a advogar, depois de 27 anos de formada. Primeiramente abri um escritório próprio, e depois me tornei responsável pela filial do escritório FJM Advogados no Espírito Santo.


Já então contava com a experiência em RH e Direito do Trabalho, com a Psicanálise que me forneceu uma outra leitura sobre o Direito de Família e Direitos da Criança e do Adolescente, e o aprendizado em Direito Criminal que adquiri trabalhando para o FJM Advogados.


Se meu filho foi a motivação necessária para eu me afastar do Direito, também foi o maior incentivador para eu voltar a advogar. Costumo dizer que fui reconduzida a Advocacia pelas mãos do meu próprio filho. Me encorajou a abrir um escritório, me ajudou em todas as minhas dúvidas de “iniciante”, e providenciou a incorporação para a filial do escritório do Rio em Vitória. De companheiro de aventuras a patrão. Somos um time!!!


Então, agora, me sinto muito orgulhosa de fazer parte de mais uma reinvenção. Desta vez é ele, o Dr. Flavio Augusto, Guto para mim, quem se lança ao desconhecido. Motivado pelo nascimento do filho dele, saindo do escritório do pai para abrir seu próprio escritório jurídico, com a sua visão. Assim o escritório de VIX passa a ser filial do escritório dele, e eu passo a trabalhar exclusivamente para o Sampaio Martins Advocacia. Essa sou eu, advogada, psicanalista, empregada de filho, mãe e avó babona.