• SAMPAIO MARTINS Advocacia

STF adia o julgamento da tese da Revisão do FGTS

Atualizado: Mai 20

O caso estava marcado para 13 de Abril de 2021. Fux retirou de pauta e ainda não remarcou.


O presidente do STF, ministro Luiz Fux, retirou da pauta do Supremo a ADIn 5.090 sobre a correção monetária do FGTS. A ação estava pautada para a próxima quinta-feira, 13. O caso, até o momento, está sem data para julgamento. O relator da ação é o ministro Luís Roberto Barroso.


Entenda o que está em jogo neste artigo do Dr. Flavio Augusto.


Suspensão nacional

Dada a importância do tema e a decisão do STJ, em setembro de 2019, o ministro Barroso deferiu cautelar e suspendeu a tramitação nacional de processos que tratam da utilização da TR para correção do FGTS.

Na ocasião, Barroso explicou que a questão ainda será apreciada no julgamento da ADIn. Ressaltou que, como o tema não teve repercussão geral reconhecida pelo STF em recurso extraordinário, o sobrestamento buscou evitar que se esgotassem as possibilidades de recursos (trânsito em julgado) em outras instâncias após o julgamento da matéria pelo STJ.

Fonte: Migalhas

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo